Setembro Amarelo: lei do vereador Max do Futebol garante a realização de campanha de prevenção ao suicídio

Categories

Ontem (10), foi o Dia Mundial da Prevenção do Suicídio. Em Suzano, temos a Campanha Municipal de Prevenção ao Suicídio “Setembro Amarelo”, instituída em 2017 pela lei municipal 5.104, de autoria do vereador Max Eleno Benedito (PRP), o Max do Futebol, e aprovada pela Câmara de Suzano.

A legislação em vigor define que a campanha tenha “o intuito de informar, esclarecer, conscientizar, envolver e mobilizar a sociedade civil a respeito da prevenção ao suicídio”. A proposta é que, no mês de setembro, sejam realizados fóruns de debates, palestras, seminários e divulgação de material informativo impresso ou audiovisual, entre outras ações de conscientização em espaços públicos, podendo contar com a participação voluntária de profissionais de medicina, psicologia, psiquiatria, serviço social, segurança comunitária e educação, entre outras áreas do poder público, instituições públicas e privadas e a população em geral.


“O objetivo é oferecer à população de Suzano meios para a informação e conscientização para prevenir o suicídio, a exemplo do que ocorre anualmente em diversos países”, explica Max do Futebol sobre a lei.

De acordo com o site oficial do Setembro Amarelo (www.setembroamarelo.com), cerca de 12 mil suicídios são registrados no Brasil todos anos ano e 1 milhão no mundo. A página da campanha também informa que 96,8% dos casos de suicídio estão relacionados a transtornos mentais, sendo que a depressão está em primeiro lugar.

“É cada vez mais crescente o número de casos de transtornos de ordem psiquiátrica e psicológica na população, como a depressão, em diferentes faixas etárias, níveis de escolaridade e profissional, classes socioeconômicas”, alerta o vereador. “Com o Setembro Amarelo, a ideia é promover eventos que abram espaço para debates sobre suicídio, além de divulgar o tema e alertar a população sobre a importância de sua discussão”, completa.

Setembro Amarelo

O Setembro Amarelo é um movimento mundial de conscientização sobre o suicídio e para mostrar que existe prevenção em mais de 90% dos casos, segundo a Organização Mundial da Saúde. Desde 2014, a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), em parceria com o Conselho Federal de Medicina (CFM), organiza a campanha no Brasil.

Crédito foto: Ricardo Bittner

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*